Widget Image

Comercial e Media Training

Cecília Amaral

cecilia@musicapopularsertaneja.com

(11) 99183-8272

Sugestões de pauta

Cristiane Bomfim

cristiane@musicapopularsertaneja.com

(11) 99453-8127

Mídia Kit

HomeNotíciasEm Grammy Latino artista brasileiro disputa com brasileiro e sertanejos levam dois prêmios

Em Grammy Latino artista brasileiro disputa com brasileiro e sertanejos levam dois prêmios

Em Grammy Latino artista brasileiro disputa com brasileiro e sertanejos levam dois prêmios

Por: Cristiane Bomfim | Data: 17 de novembro de 2017

O Grammy Latino chegou ontem, dia 16, a sua 18ª edição. E, como não poderia deixar de ser, artistas brasileiros premiados estão – desde então – comemorando o reconhecimento e o nome que apareceu no telão. No sertanejo, os premiados em 2017 foram Bruna Viola e o cantor Daniel.

Com mais de 30 anos de carreira, Daniel não estava em Las Vegas, nos Estados Unidos, para receber o prêmio na categoria Melhor Álbum de Música Sertaneja pelo disco intitulado “Daniel”, produzido por Dudu Borges e lançado em 2016. Importante lembrar que em 2009 o sertanejo também levou o prêmio com o álbum “As músicas do filme O menino da Porteira” e já recebeu outras três indicações (em 1998, 2006 e 2012).

Já Bruna Viola venceu na categoria Melhor Álbum de Músicas de Raízes Brasileiras com o trabalho Melodias do Sertão, lançado em 2016. Com 14 faixas, o álbum tem direção de Marcelo Amiky e produççao de Paul Ralphes. Merecem destaque as músicas “Flor Matogrossense”, “Se você voltar” (com Cesar Menotti & Fabiano) e “Tô Fazendo Falta”.

Interessante dizer que no Grammy Latino os artistas brasileiros concorrem apenas entre si. É como se fosse uma disputa dentro da disputa com categorias próprias – como sertanejo e MPB. É como se o Brasil, talvez por ser o único que fala português e não espanhol, ficasse à margem das grandes disputas: Melhor Álbum, Melhor Gravação e Melhor Canção, por exemplo. Isso quer dizer que nenhum sertanejo vai disputar a estatueta com nomes como Shakira ou Luis Fonsi, o nome do ano. Aí perde a graça, né?

Aliás, “Despacito”, de Fonsi, levou o prêmio de melhor gravação. Alguém tinha dúvida?

Gostou? Compartilhe
Rate This Article

cristianebomfimsantos@gmail.com

Deixe seu comentário abaixo

Deixe um comentário

Versão Desktop